Responsável Técnico

Dr. Denis Valente | Cirurgião plástico

CREMERS 24617 | RQE 18465

Rejuvenescimento Facial

A moderna cirurgia plástica procura atenuar o envelhecimento facial através de procedimentos menores, cada vez menos agressivos, indicados mais precocemente e com anestesia e recuperação simplificada. A principal filosofia é resolver os problemas na medida em que eles surgem, e não aguardar um grande envelhecimento facial para então iniciar as ações corretivas. Esta conduta oferece resultados mais naturais e harmônicos com uma recuperação muito mais tranqüila para os pacientes. Vários dos fatores envolvidos no envelhecimento da face poderão ser atenuados através da conduta cirúrgica, enquanto outros deverão necessitar de procedimentos ancilares.

A cirurgia está indicada principalmente para ressecar e tracionar as estruturas (pele e músculos) que apresentam queda e flacidez. Outras condições como a qualidade e textura da pele, manchas, rugas dinâmicas e sulcos pronunciados somente poderão ser abrandados com a associação de outras técnicas (Peelings, Botox, Laser). Quando existe flacidez de pele, com queda das estruturas profundas da face, o procedimento indicado é o Mini-Lifting facial. Essa técnica cirúrgica vem sendo constantemente aprimorada, e os resultados hoje, são muito melhores que antigamente.Atualmente, não se aceita mais a pele muito esticada e os cabelos puxados para trás.

O conceito é rejuvenescer com naturalidade, reestruturando a parte mais profunda da face, com cicatrizes menores e mais camufladas. O mini-lifting facial é uma técnica que retira as marcas do passado, deixando cicatrizes mínimas que se confundem com os contornos naturais da face, restituindo a harmonia da face.

Candidatos

Geralmente homens e mulheres acima de 40 anos, embora alguns pacientes entre trinta e quarenta também possam se beneficiar desta cirurgia.

Duração total da cirurgia

Cerca de 240 minutos.

Anestesia

Local, com sedação endovenosa realizada pelo anestesiologista.

Internação/Ambulatório

Internação por cerca de 6-12hs após o término do procedimento.

Recuperação

Volta ao trabalho: 10 a 14 dias. Atividades físicas mais desgastantes: duas semanas ou mais. Equimoses: 2 a 3 semanas. Evitar exposição ao sol por dois meses.

Objetivos

Disfarçar rugas, sulcos e vincos. Rejuvenescer a face. Trazer equilíbrio facial.

Incisões e técnica

Existem diferentes variações da plástica de face. A incisão é geralmente colocada na frente e atrás da orelha, escondida pelos sulcos naturais. De trás da orelha a incisão entra no couro cabeludo, escondida pelo cabelo. O lóbulo da orelha deve ficar solto e natural, evitando a aparência esticada. Às vezes uma pequena incisão embaixo do queixo pode ser usada para ajudar a corrigir os músculos do pescoço. Se necessário as estruturas profundas da face e do pescoço também serão reposicionadas. A pele é puxada para cima e para trás e o excesso é retirado. O aspecto deve parecer normal e não esticado.

Efeitos indesejáveis

Edema local que costuma desaparecer após 3 semanas e equimoses que desaparecem espontaneamente após 2 semanas. As complicações da plástica de face não são freqüentes. Algumas incisões podem ser visíveis devido a variações na cicatrização e podem ter de ser retocadas.

Vídeo