Responsável Técnico

Dr. Denis Valente | Cirurgião plástico

CREMERS 24617 | RQE 18465

Técnica Ultra-Rápida de implante de prótese de silicone

Partindo da idéia de que quanto mais rápida for a cirurgia e sua recuperação, mais cômodo e benéfico é para o paciente foi desenvolvida a timplante mamario protese de silicone mama porto alegre rs cirurgiao plastico cirurgia plasticaécnica Ultra-Rápida de implante de prótese de silicone, que consiste em planejar, minuciosamente, todos os detalhes da cirurgia, para executá-la entre meia-hora e uma hora.
Mas não é somente na rapidez da cirurgia que consiste a técnica. A recuperação, que geralmente é de uma a duas semanas em repouso, passa a ser de um a três dias, com retorno rápido às atividades cotidianas. Mais de 96% dos pacientes voltam à sua vida normal entre o primeiro e o terceiro dia pós-operatório, sem modeladores, sutiã ou enfaixamentos. Não são colocados drenos e não há pontos a serem retirados. Isso é possível porque, com o conhecimento preciso da anatomia e técnica adequada, o sangramento no pós-operatório é mínimo, não importando a movimentação dos braços. A formação de liquido ao redor da prótese (seroma) é muito pouco freqüente. Esta técnica Ultra-Rápida pode ser utilizada para todos os tipos de acesso (sulco submamário, periareolar e axilar) e planos (subglandular, submuscular, subfacial e dual-plane) existentes para cirurgia de prótese mamária.
O mesmo cirurgião americano ( John Tebbets) desenvolveu ainda outra metodologia, denominada Dual Plane ou Duplo Plano, criada com o objetivo de se conseguir a melhor e maior cobertura de tecidos (pele, gordura, glândula mamária e músculo), importante regra na cirurgia de implante mamário. Esta técnica consiste em colocar a prótese em um espaço em que ela seja quase impalpável externamente, ou seja, que sua superfície não se torne aparente com o passar dos anos. Neste método, a prótese é colocada parcialmente abaixo do músculo peitoral maior no pólo superior e parcialmente abaixo da glândula mamária no pólo inferior da mama. Conseguem-se assim os benefícios das duas técnicas (subglandular e submuscular), reduzindo alguns problemas quando realizadas de forma isolada. Uma grande variedade de pacientes pôde então se beneficiar com a colocação no plano submuscular, antes restrita às pessoas que não apresentavam flacidez das mamas. A técnica Dual Plane é indicada principalmente para pacientes muito magras que não possuem cobertura adequada de tecidos moles (pele, gordura, glândula mamária) com mamas flácidas ou não. Isto é confirmado por meio do exame clínico e medidas obtidas da mama.

Voltar
×

Powered by WhatsApp Chat

× Fale Conosco no WhatsApp